Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz

Com lesão de Anthony Davis, LeBron James assume responsabilidade de guiar os Lakers sozinho na NBA

Com uma lesão no Tendão de Aquiles e uma distensão na panturrilha, ala-pivô será ausência na equipe por quatro semanas

Redação Publicado em 22/02/2021, às 15h54

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Anthony Davis e LeBron James em partida do Los Angeles Lakers - Getty Images
Anthony Davis e LeBron James em partida do Los Angeles Lakers - Getty Images

Machucado na derrota para o Denver Nuggets no último dia 14, Anthony Davis tem feito falta para a equipe do Los Angeles Lakers, que soma uma única vitória, contra o Minnesota Timberwolves, nas últimas três partidas disputadas pela NBA. Sem o ala-pivô, a missão de carregar o time recai sobre LeBron James, o que o camisa 23 garantiu que pretende assumir.

“Não ter Anthony Davis por um longo período é algo que não experimentamos no último ano e meio e agora é hora de me ajustar e ver como posso ser ainda mais eficaz para ajudar esta equipe a vencer. Porque esse é o esporte em que atuamos. Estamos no ramo das vitórias e eu sempre fui um vencedor. Então, é hora de focar nisso”, afirmou o jogador.

Mesmo não tendo sofrido com uma ruptura no Tendão de Aquiles - lesão esta que deixouKevin Durant, hoje no Brooklyn Nets, de fora das quadras por meses -, Davis ficará pelo menos quatro semanas sem poder atuar, garantiu Frank Vogel, técnico dos Lakers.

O ala-pivô foi protagonista do time, ao lado de LeBron, na campanha do título da temporada 2019-2020, com médias de 26.1 pontos e 9.3 rebotes. Na atual temporada, o atleta soma 22.5 pontos, além de ser o líder da defesa da equipe, liderando as estatísticas de rebotes (8.4), roubos de bola (1.3) e tocos (1.8).

Muito por conta disso, a ausência do astro vem demandando mais atenção dos Lakers na defesa. Porém LeBron James garante que todo o elenco tem dado o máximo de si para conseguir vencer mesmo com um desfalque de tamanha importância.

“Cada vez que estamos em quadra, estamos todos tentando proteger uns aos outros e incentivar uns aos outros todas as noites. Eles estão fazendo sua parte e muito mais. Tudo se resume a isso, e agora, esse é outro desafio para mim”, garantiu o camisa 23.